Refugiados sírios no Iraque mudam para novo campo no Curdistão

 

Nariman e sua família desempacotam todos os seus pertences no novo campo no Curdistão. O campo foi aberto para melhorar as condições de vida dos refugiados sírios. Foto: ACNURSULAYMANIAH, Iraque, 09 de julho (ACNUR) – Em meio ao crescente deslocamento de iraquianos fugindo da guerra em sua terra natal, o ACNUR continua ajudando milhares de refugiados sírios que fugiram para o Iraque para escapar do conflito. A Agência da ONU para Refugiados abriu um novo campo de refugiados de longo prazo na região do Curdistão, no norte do Iraque, para alguns dos 225 mil sírios que se registraram como refugiados no país ao longo dos últimos dois anos.

Os 3 mil moradores do campo de trânsito Arbat, em Sulaymaniah, estão se mudando para um novo acampamento com melhores instalações a apenas 10 minutos de ônibus do nordeste do Iraque. Embora a maioria dos refugiados que chegam ao Iraque encontre seu próprio alojamento, a população do novo acampamento pode, eventualmente, chegar a 10 mil.

Leia mais...

Nota: Sequestro e assassinato de palestino em Jerusalém Oriental

 

O Governo brasileiro manifesta forte repúdio ao sequestro e assassinato de jovem palestino vitimado em Jerusalém Oriental ocupada e expressa sua solidariedade à família da vítima.

Ao externar profunda preocupação com a possibilidade de o assassinato do jovem palestino ter caráter retaliatório aos assassinatos dos três jovens israelenses, o Governo brasileiro sublinha a necessidade de que os responsáveis sejam trazidos prontamente à justiça.

Leia mais...

Brasil contribui para o "Sem Geração Perdida" na Síria

 

Foto: UNICEF/Giovanni Diffidenti.

O Governo brasileiro, por ocasião da II Conferência Internacional de Alto Nível para Contribuições à Síria, no Kuaite, contribuiu com US$ 300 mil para apoiar iniciativa conjunta entre o Alto Comissariado das Nações Unidas para Refugiados (ACNUR) e o Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF), para ajudar o programa "Sem Geração Perdida" a promover educação às crianças sírias, com vistas as proporcionar a possibilidade de um futuro mais estável e seguro para essa geração.

Leia mais...

Seminário do PAA África: os governos africanos reafirmam seu compromisso

 

Mesa de abertura do Seminário do PAA África. FAO Etiópia/Tewodros Negash

Seminário sobre o Programa de Aquisição de Alimentos África (PAA África) e mercados institucionais em Adis Ababa reuniu autoridades e sociedade civil de oito países africanos, o Brasil e as Nações Unidas.

Na semana passada, Adis Ababa sediou o Seminário de Trocas de Experiências do PAA África e Mercados Institucionais, promovido pela Organização das Nações Unidas para a Alimentação e Agricultura o Programa Mundial de Alimentos, os governos participantes e com o apoio dos governos do Brasil e do Reino Unido. O evento faz parte das atividades de trocas de conhecimentos promovidos pelo programa PAA África, para promover a aprendizagem entre os parceiros sobre o potencial das compras locais de alimentos para assistência alimentar, como ferramentas para a recuperação e resiliência.

Leia mais...

Brasil apoia Capoeira pela Paz na República Democrática do Congo

 

Fonte: Arquivo pessoal. Céline Schmitt. ACNUR.

Contribuição de 85 mil dólares permitirá o oferecimento de aulas de capoeira em centro de treinamento do UNICEF. Prática do esporte pode apoiar na reinserção social das crianças na localidade.

O Governo brasileiro, por meio dos esforços de cooperação humanitária da CGFOME, cofinanciará o projeto "Capoeira pela Paz" na República Democrática do Congo (RDC) – resultado de parceria entre a Embaixada do Brasil em Kinshasa, o Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF), o Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD), a Associação AMADE-Mondiale, a Associação Capoeira-Congo e da ONG brasileira Viva Rio.

Leia mais...

Equipe do PAA África realiza missão conjunta à África do Sul

 

Missão composta pela equipe do programa e o governo brasileiro busca avaliar as possibilidades de engajamento do governo sul-africano e do NEPAD em diálogo político sobre compras públicas de alimentos.

Acontece nos dias 25 e 26 de Março, missão conjunta entre o governo brasileiro e a equipe do PAA África para a África do Sul, dentro do escopo do componente de conhecimento e trocas de experiências do programa. Fazem parte da missão, além da Coordenação do programa, Milton Rondó Filho, Coordenador Geral de Ações Internacionais de Combate à Fome do Ministério das Relações Exteriores e Denise Reif Kroeff, que coordena o programa PAA no Brasil pelo Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome.

Leia mais...

Brasil envia helicóptero para vítimas de enchentes na Bolívia

 

O Ministério da Defesa autorizou o envio de um helicóptero Cougar UE HM-3, do Exército Brasileiro, para atuar no socorro e resgaste de famílias isoladas devido às enchentes no norte da Bolívia.

A aeronave partiu na manhã desta sexta-feira (21/02), do 1º Batalhão de Aviação do Exército, em Taubaté (SP), rumo à cidade de Trindad, na província de Beni, com 25 militares a bordo. A previsão é de que mais 22 homens sejam enviados para a missão na Bolívia nos próximos dias.

Leia mais...

Abertas primeiras vagas para bolsa em homenagem a Sergio Vieira de Mello

 

Candidaturas podem ser enviadas até o dia 14/02/2014. Primeiro edital abre vagas para gestão de infraestrutura rural no Haiti e fortalecimento de políticas de segurança alimentar no Paquistão.

Foi lançado hoje o primeiro edital da bolsa Sergio Vieira de Mello, criada para apoiar o trabalho de jovens brasileiros em projetos humanitários pelo mundo. A bolsa, que será oferecida pelo Brasil em parceria com o Programa de Voluntários da ONU tem como meta financiar a participação, por um período de um ano, de jovens brasileiros, recém-egressos da universidade, em ações humanitárias.

Leia mais...

Brasil doa mais de 2 mil toneladas de arroz para refugiados sarauís

 

O Programa Mundial de Alimentos (PMA) recebeu na terça-feira em Oran uma doação de 2.170 toneladas de arroz do governo do Brasil para os refugiados sarauís, de acordo com uma declaração da agência humanitária da ONU.

Esta doação, que custou um milhão de dólares, e com o apoio do governo espanhol, o PMA vai contribuir para satisfazer as necessidades dos refugiados do Saara Ocidental.
 
A agência da ONU disse que a doação vai ajudar a diversificar o pacote alimentar básico distribuído mensalmente para os refugiados.

Leia mais...

Grupo Interministerial de Assistência Humanitária se reúne em Brasília

 

Instância responsável pelo planejamento e execução de ações de cooperação humanitária internacional do Brasil se reúne para discutir novo formato de trabalho para 2014.

O Grupo de Trabalho Interministerial de Assistência Humanitária Internacional, instância brasileira responsável pela prestação das ações humanitárias internacionais, coordenado pelo Ministério das Relações Exteriores, fez sua reunião do ano de 2013 hoje em Brasília. Além de serem apresentados alguns dos resultados da cooperação humanitária em 2013, o grupo discutiu um novo método de trabalho para o próximo ano, com o objetivo de aumentar a coordenação entre os Ministérios envolvidos e potencializar o debate sobre a institucionalidade da cooperação humanitária brasileira.

Leia mais...